fbpx
Notícia

O que aconteceu na Semana da Colômbia em Salvador e mais 3 motivos para visitar o país

Bandeira colombiana em Cartagena das Índias
Bandeira colombiana em Cartagena das Índias | Foto: Elements

A capital baiana recebeu na semana passada, entre os dias 01 e 04 de junho de 2022, pela primeira vez a “Semana da Colômbia em Salvador”. O evento foi uma iniciativa da Embaixada da Colômbia, da ProColombia (o escritório comercial da Colômbia no Brasil) e do Instituto Cervantes de Salvador, em parceria com a Prefeitura de Salvador, por meio do Escritório de Cooperação Internacional e do Escritório de Governança Social, coordenados pela vice-prefeita da capital. Que contou várias atividades envolvendo diversos setores da sociedade soteropolitana com o objetivo de estreitar e fortalecer laços entre Salvador e a Colômbia de forma bem ampla, além promover o intercâmbio entre as riquezas culturais de ambos os países.

O que aconteceu na Semana da Colômbia em Salvador

Entre os quatro dias do evento, um pedaço da Colômbia aterrissou em solo soteropolitano com uma programação diversa em vários pontos da cidade:

01/06 – Primeiro dia da Semana da Colômbia em Salvador

No primeiro dia do evento, parceria com o Restaurante Escola – Senac Casa do Comércio aconteceu um buffet temático assinado pelo Chef colombiano Manuel Mendonza e co-produzido por instrutores e alunos do Senac.

Aconteceu também, no Instituto Cervantes uma “collab” entre Francisco Senna – Historiador da Academia de Letras da Bahia e Moises Alvarez Marin – Diretor do Museu Histórico de Cartagena com o tema “Salvador e Cartagena de Índias: Diálogo entre Cidades Fortalezas“.

02/06 – Segundo dia da Semana da Colômbia em Salvador

O segundo dia trouxe um tema que é motivo de orgulho nacional para os colombianos: o café. Aconteceu no Museu da Gastronomia Baiana a “Hora do Café: Especial Colômbia“, um bate papo sobre os cafés colombianos, seguido de degustação. A apresentação contou com a participação de Igor Dias, Anderson Almeida, Lúcio Almeida – Baristas do Senac Bahia, Cristiano Ribeiro e Djenal Santos – Chefs de Cozinha do Senac Bahia e com a mediação de Ana Carla Pereira – Coordenadora de Hotelaria do Senac Bahia, e contou com a presença de empresários do segmento e entusiastas do café.

A noite teve a “Conexão Colômbia x Brasil: Jantar a 6 mãos pelos Chefs Baianos“, onde os chefs Fabrício Lemos e Lisiane Arouca, juntamente com o Chef colombiano Manuel Mendoza encantaram os convidados com uma viagem gastronômica que conectou o melhor da culinária caribenha e nordestina traduzidos em pratos sensacionais no Restaurante Omí, no Fera Palace.

03/06 – Terceiro dia da Semana da Colômbia em Salvador

O terceiro dia da Semana da Colômbia em Salvador começou também no Fera Palace, onde o Embaixador Dario Montoya, juntamente com o Cônsul Nicolas Casafranco receberam a imprensa para falar sobre Gastronomia, Turismo e também sobre os desafios que ambas localidades tem em comum e principalmente da importância das relações.

“Precisamos nos conhecer mais. Os colombianos vêm pouco ao Brasil, assim como os brasileiros vão pouco para a Colômbia. Queremos estreitar os laços e fazer intercâmbios culturais, gastronômicos e de ciência, tecnologia e meio ambiente.”

Dario Montoya – Embaixador da Colômbia
O Chef colombiano Manuel Mendoza, o Cônsul Nicolás Casafranco e o Embaixador da Colômbia Dario Montoya

Já na tarde da sexta-feira, o Largo do Cruzeiro de São Francisco, no Pelourinho, foi palco para o Balé Folclórico da cidade de Ibagué e o Balé Folclórico da Bahia se apresentarem ao ritmo de músicas colombianas e brasileiras.

04/06 – Quarto dia

Para encerrar as atividades, depois dessa imersão na cultura do país vizinho e todo esse intercâmbio, o chef Manuel Mendoza novamente com Instrutores e alunos do Senac prepararam um Jantar Colombiano com duas opções de Menu que foram de cair o queixo.

Um pouco mais sobre a Colômbia e 3 motivos para visitá-la:

A Colômbia é um pais com o qual, apesar de ter uma enorme fronteira com o Brasil (são quase 1700km no total), temos pouca proximidade, seja cultural, econômica e principalmente turística. É bem verdade que, quando pensamos em fazer uma viagem para algum país da América Latina, a Colômbia ainda não é a primeira opção que não nos vem a mente. E isso precisa mudar, sabe por quê?

Porque se pesquisarmos um pouquinho (mas bem pouquinho mesmo), vamos perceber que temos muita coisa em comum e boas razões para nos aproximarmos ainda mais:

Turismo

Sob o ponto de vista do turismo, cada vez mais, a Colômbia vem ganhando terreno como um destino que atende as demandas do exigente turista internacional. Prova disso, é que não faz muito tempo o país foi classificado como o melhor destino da América do Sul nos World Travel Awards, também conhecido como o “Oscar do Turismo“.

O destino permite ao turista experienciar, em um curto espaço de tempo, uma diversidade sem igual que envolve desde montanhas andinas, o oceano pacífico, o Caribe e e a floresta amazônica. Isso tudo confere ao país uma diversidade cultural e de recursos naturais que impressionam.

Cartagena das Índias – Colômbia | Foto: Elements

Gastronomia

A culinária da Colômbia é riquíssima pois, assim como a nossa, é uma amálgama entre as culturas dos povos originários andinos, dos europeus que lá chegaram no século XV e os africanos escravizados que  desembarcaram em seu litoral nos séculos XVII e XVIII.

A comida está ligada diretamente à cultura de um país e na Colômbia não é diferente e reflete toda sua diversidade, com pratos marcantes e que ficam na memória. A partir de ingredientes abundantes na região como a banana, milho e batata são feitos a maioria dos pratos tradicionais colombianos.

Com uma diversidade cultural tão grande, a gastronomia da Colômbia também se faz muito marcante, com pratos incríveis e de sabores indescritíveis, difíceis de esquecer como: arepas, empanadas, bendeja paisa, frijoles con garra, arroz de coco, tamales, lechona, almojabana, patacones e puchero são algumas das maravilhas locais e que precisamos experimentar.

Arepas com carne, abacate e picles de cebola | Foto: Elements

Cultura

A terra de Gabriel García Márquez tem uma cultura vasta e merece ser explorada. Certamente uma coisa que a Colômbia tem em comum com Salvador é a musicalidade. Dentro do território colombiano estão as essências de ritmos como a cumbia, a salsa, vallenato, champeta e o contemporâneo reggaeton, esse último contribui com quase 90% da receita da indústria musical colombiana atualmente.

A Colômbia tem a sua riqueza cultural espalhada por todo território. Pode se observar os carnavais de Barranquilla (na costa atlântica) e o de Riosucio (região do eixo do café), a Feira Internacional do Livro de Bogotá (FILBo), o Festival de Cinema de Cartagena e muitas outras feiras, festivais, festas e manifestações religiosas e culturais espalhadas por todo país.

Além de ser o país com a segunda maior biodiversidade do mundo, a Colômbia tem 67 línguas nativas, 1102 patrimônios nacionais, 8 patrimônios culturais e naturais da humanidade e 9 patrimônios culturais imateriais. Ou seja, assim como a gastronomia e o turismo, a cultura é bastante farta por lá também e vale a pena conhecer de perto.

Santuário de Las Lajas em Ipiales na Colômbia

Leia Mais

Descubra algumas atividades incríveis na Colômbia

Clube Muito Gourmet
Dicas & Promoções Exclusivas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Turismo

Conheça os Melhores Museus de Salvador - Bahia

Vale a pena ler também...